Cachorro

Outono

15216357194_outono.png

Conheça as principais doenças dessa época

O outono está aí e o inverno se aproxima. Essas duas estações são marcadas por chuvas repentinas e mudanças drásticas de temperatura. Nesta época do ano os cães ficam mais suscetíveis devido às mudanças de temperatura. Por isso, preste atenção em algumas doenças que podem afetar os animais nessa época do ano.

 

Doenças respiratórias

A maioria das doenças que atacam os animais nesta época tem origem respiratória. Vírus e bactérias são transmitidos com mais frequência nesta época do ano e apresentam sintomas semelhantes ao de qualquer resfriado, ou seja, tosse, febre, espirros, coriza e falta de apetite. Evite andar com os animais de estimação na chuva ou vento frio, escolha os dias mais quentes para passear e, caso a temperatura esteja muito baixa, o uso de roupinhas também é indicado.

 

Problemas oftalmológicos

Se com o ser humano a chegada do outono traz complicações nos olhos pelos ventos secos, que reduzem a umidade da zona ocular, com os cães acontece o mesmo. Por isso, é bom manter a zona ocular do seu amiguinho limpa, e se notar ressecamento constante, secreção ou vermelhidão, procure imediatamente o veterinário.

 

Problemas nas articulações

A umidade e o frio aumentam os sintomas de dor em cães e gatos com problemas nas juntas e o dono tem que perceber que seu animalzinho está com dor para levá-lo ao veterinário para diagnosticar qual o tipo de lesão e instituir o tratamento. Os sintomas mais comuns são: Mancar, dificuldade de se levantar ou sentar, chorar ao se movimentar, não conseguir subir escada, sofá, cama.

 

Alergias de outono

As alergias do seu cão podem ser ativadas por mudanças sazonais no clima. Em alguns casos, se você observar que o seu cão tem tido mais espirros que o de costume, começar a bufar, roncar e dar sinais de coriza, com grande quantidade de secreção no nariz, ele pode ter desenvolvido uma alergia ou rinite. Se você observar que o seu cão parece estar tendo uma reação alérgica, leve-o ao veterinário.

 

Para que o seu melhor amigo não sofra com essas doenças, é fundamental ter todas as vacinas em dia, já que seu sistema imunológico fica fragilizado pelas mudanças climáticas, além disso, é de extrema importância manter uma alimentação saudável, hidratação frequente, higiene, proteção contra o frio e, claro, muito amor. A saúde deles, com certeza, vai agradecer.

mail_outline RECEBA AS NOVIDADES